O que pode causar a perda auditiva?

Processo de envelhecimento, genética, exposição a ruído intenso, traumas ou quedas, otosclerose, infecções recorrentes de ouvido, tumores, uso de fortes medicamentos, dentre vários outros fatores.

Confira outras

Dúvidas


O custo de um aparelho auditivo é bastante variável. Existem diversos modelos e tecnologias, para a necessidade e demanda auditiva de cada pessoa. Somente com uma avaliação personalizada o profissional poderá indicar o melhor modelo e custo para cada caso.

  • Frustração: uma vez que a pessoa passa a se isolar cada vez mais por não conseguir acompanhar uma conversa.
  • Mal-entendidos: passa a ser julgado como alguém desinteressado ou com falta de educação.
  • Confusão: passa a responder equivocadamente, não responde ou transmite a informação errada.
  • Maior propensão a desenvolver déficits de memória e demência.
  • Histórico de quedas pela diminuição da atenção.
  • Zumbido.

Processo de envelhecimento, genética, exposição a ruído intenso, traumas ou quedas, otosclerose, infecções recorrentes de ouvido, tumores, uso de fortes medicamentos, dentre vários outros fatores.

Cerca de 9,7 milhões de brasileiros possuem algum tipo de perda auditiva. Ela se configura como a terceira maior prevalência de condição crônica em idosos, depois da hipertensão e da artrite.

A perda auditiva é mais comum do que imaginamos e também não deve ser mais considerada como um problema “de idosos”. Ela tem acometido jovens e adultos de forma precoce principalmente pela falta de atenção e cuidados com a nossa audição. Crianças, adolescentes e adultos podem apresentar déficits auditivos, em diversos graus.

O teste é gratuito, realizado por profissional especializado, com ajustes baseados na perda auditiva de cada indivíduo. O usuário deverá avaliar a performance do aparelho em seu dia-a-dia, realizando experiência domiciliar por alguns dias antes de sua aquisição. Serão realizados retornos para ajustes conforme a necessidade. O benefício será avaliado antes da decisão de adquirir ou não os aparelhos auditivos.

Após a aquisição dos aparelhos auditivos o usuário terá um acompanhamento contínuo para avaliação do uso e desempenho com o dispositivo. Da mesma forma, será orientado sobre as formas adequadas de uso, revisões e limpezas para maior vida útil do aparelho auditivo.